Os provérbios são sentenças consagradas pelo uso que passam de pessoa a pessoa ao longo do tempo e possuem, geralmente, um fundo moral, filosófico ou religioso. Eles são elementos importantes de uma cultura.

Ao introduzirmos um provérbio italiano em uma frase, podemos usar uma das seguintes expressões:

"Come dice il detto..." - "Como diz o ditado..."
"Sempre dico: ..." - "Sempre digo: ..."
"C'è un vecchio detto: ..." - "Tem um velho ditado: ..."
"C'è una frase famosa: ..." - "Tem uma frase famosa..."
"Un proverbio dice:..." - "Um provérbio diz: ..."

A lista a seguir apresenta alguns provérbios italianos e as formas equivalentes na língua portuguesa. Na ausência de uma forma equivalente, é apresentado o seu significado ou o contexto em que o provérbio pode ser usado.  

A

A buon intenditor poche parole.
A bom entendedor meia palavra basta.

A caval donato non si guarda in bocca.
Cavalo dado não se olha os dentes.

Accostati ai buoni e sarai uno di essi. 
Junta-te aos bons e serás um deles. 

Acqua cheta rompe i ponti.
Águas tranquilas, águas profundas.

Al confessore, al medico ed all'avvocato, non puoi
tenere il ver' cellato. 
Ao médico, ao advogado e ao abade falar a verdade.  

Alla barba dei pazzi il barbieri impara a radere. 
Na barba do néscio todos aprendem a rapar.

Altri tempi, altri costumi.
Outros tempos, outros costumes.

Amare e non essere amato è tempo perso.
Amor com amor se paga.

Amico riconciliato, nemico doppio. 
Amigo reconciliado, inimigo dobrado.

Anche la legna storta da fuoco diritto. 
Pau torto faz fogo direito.

Siga-nos

Newsletter

Receba nossa newsletter. Inscreva-se aqui